segunda-feira, janeiro 22, 2007

Próxima Boozetuga

Notificam-se os presentes da planeada realização de um mais evento de celebração e puro regozijo envolvendo a cultura demoscenófila portuguesa.
É meu enorme prazer anunciar que a próxima Boozetuga não-sei-quantas-em-hexadecimal se irá realizar dia 10 de Fevereiro, na mítica e deslumbrante cidade do Porto por motivos de concerto organizado pela, de resto significativamente reconhecida como a primeira netlabel portuguesa, enoughrecords. Concerto este decorrente a partir das 22:30 23:00 no rústico, singelo e clamoroso novo local da noite do Porto de seu nome Fábrica de Som, presente na Rua Rodrigues de Freitas nº23-27.
A entrada rondará os 3 euros e dará acesso directo ao demoshow em câmara escura da demologia do famoso grupo demoscene Halcyon, seguido de concerto de novo talento de Lisboa Almada da música electro industrial ambiental de seu nome Eletrólise, também a tocar mas desta vez techno industrial estará Ezylohm_tek e para fechar as hostilidades, djset por mão de Haziel.
Compareçam se puderem.

Etiquetas:

6 Comentários:

Blogger xernobyl disse...

Parce-me um programa interessantissimo. É uns dias depois do meu ultimo exame e devo ter algumas coisas importantes para fazer por causa da party, tipo acabar uma intro ou fazer uma demo só com imagens do José Mourinho.

23/1/07 03:07  
Blogger jeenio disse...

eu vou. tenho de votar em gaia no dia seguinte.

23/1/07 18:04  
Blogger xernobyl disse...

eh... chatice. Porque é que ainda não se pode votar em qualquer lado ou pela internet?
Paneleiros.

23/1/07 19:47  
Blogger Biovf disse...

Bem eu nessa altura felizmente já estou livre de exames.
Devo estar apenas a preparar coisas para a party e acabar um trabalho...Era fixe ir :)

P*** mais de meia hora para acertas a porcaria da "confirmação visual"

29/1/07 13:10  
Blogger Nelson disse...

yo niggaz
de que horas a que horas eh a cena ?

EviL

31/1/07 22:13  
Blogger ps disse...

nelson: a partir das 22:30

queria só fazer uma correcção deveras importante que me foi chamada a atenção: o electrólise de facto não é de Lisboa mas sim de Almada. Queria publicamente pedir as minhas sinceras desculpas pela grave injuria por mim perpretada ao artista em causa.

2/2/07 01:21  

Enviar um comentário

<< Inicio